e o Novo Choro Paulista

Ricardo Herz e o Novo Choro Paulista

Em um show dedicado ao choro, Ricardo Herz convida os novos grandes expoentes paulistas deste gênero instrumental. O repertório se divide entre composições de Herz interpretadas nesta formação de regional e de clássicos do choro revisitados. É um show vibrante e emocionante. Fazem parte deste show:

Ricardo Herz violino

Herz reinventou o violino brasileiro. Sua técnica leva ao instrumento o resfolego da sanfona, o ronco da rabeca e as belas melodias do choro tradicional e moderno. Com a influência de Dominguinhos, Luiz Gonzaga, Egberto Gismonti, Jacob do Bandolim entre outros, o violinista mistura ritmos brasileiros,  africanos e o sentido de improvisação do jazz.
Graduado em violino erudito pela USP, sua sólida formação começou aos 6 anos, tendo passado pela escola Fukuda em São Paulo.  Estudou na renomada Berklee College of Music, nos Estados Unidos, e no Centre des Musiques Didier Lockwood, escola do violinista francês, uma lenda do violino jazz.

De volta ao Brasil desde 2010, Herz tem participado de muitos projetos e colaborado com músicos e se apresentando como solista com orquestras de todo o país, como Yamandú Costa, Dominguinhos, Nelson Ayres, Proveta, Orquestra Jazz Sinfônica, Orquestra Sinfonica de João Pessoa, Orquestra Municipal de Jundiaí, Grupos de Referência do Projeto Guri, Orquestra Filarmônica de Violas, Orquestra Breusil entre outros. Gravou diversos CDs em duo: com o vibrafonista, multi-instrumentista e compositor mineiro Antonio Loureiro, com o gaúcho Samuca do Acordeon e com o pianista, maestro e arranjador Nelson Ayres e ainda no ano de 2018, Ricardo Herz lançou seu álbum em duo com Yamandú Costa.

Ricardo também tem dedicado parte de seu tempo no ensino e difusão do violino popular , tendo ministrado diversos cursos em festivais e recentemente lançou o primeiro método online de violino popular brasileiro.

 

Gian Correa- violão 7 cordas

Violonista 7 cordas, compositor, arranjador, e produtor musical. Gian Correa começou tocando em rodas de choro quando criança, incentivado pelo pai. No início estudou cavaquinho, passando, depois, para o violão de 7 cordas. Seu primeiro trabalho autoral, Mistura 7 (YB Music/2013) foi lançado no palco do Auditório Ibirapuera e recebeu elogios de críticos em diversos meios de comunicação. Em  2016, lançou seu segundo álbum, Remistura 7 (YB Music), gravado em CD/DVD, no Estúdio 185 Apodi, no SESC Pompeia também muito elogiado.  Tem tocado no Brasil e exterior com os expoentes da MPB. É também professor na escola do Auditório Ibirapuera

 

 

Henrique Araujo – cavaquinho e bandolim

É hoje importante referência do cavaquinho e bandolim no Brasil. Graduado na ULM em 2008 e em 2013 na FAAM em regência e composição. Tem se apresentado aqui e no exterior com importantes músicos populares e eruditos em festivais de grande projeção. Em 2017 lançou seu primeiro trabalho solo “O Choro do Sertão” dedicado à obra instrumental de Dominguinhos. É diretor musical e regente do Cordão Carnavalesco Assim é que é, integra os grupos Panorama do Choro Paulistano Contemporâneo e Batuqueiros e sua gente. É também professor na escola do Auditório Ibirapuera

 

Rafael Toledo –  percussão

Formado  em Percussão  pelo Conservatório  de Tatuí e graduado  em Produção  Musical na  Faculdade Anhembi-Morumbi,  atualmente acompanha  Eduardo Gudin,  Carlinhos Vergueiro,  Déo Rian, Gian Corrêa,  Messias Britto,  João de Almeida Neto,  Roberto Seresteiro, Henrique  Araújo, além  de outros grupos  como: Regional Imperial,  Batuqueiros  e Sua Gente,  Banda Jazzco e  Cadeira de Balanço. Tem participado de importantes festivais no Brasil e no exterior.